segunda-feira, 7 de maio de 2018

CÃES DE CAÇA / DOG SOLDIERS (2002) - REINO UNIDO / LUXEMBURGO / ESTADOS UNIDOS


 


 UM VIBRANTE FILME DE LOBISOMENS

Cooper (Kevin McKidd) é um soldado que se canddaitou a trabalhar nas forças especiais. No seu teste decisivo é reprovado pelo Capitão Ryan (Liam Cunningham) por não acatar uma sórdida ordem: matar  um cão lhe não lhe representa ameaça alguma.  Quatro semanas depois, de volta ao seu esquadrão, Cooper se vê em um treinamento no meio das matas da Escócia portando armas com balas de festim. A missão de seu grupo chefiada pelo sargento Harry G. Wells (Sean Pertwee) é chegar até determinado ponto sem ser detectado pelo “inimigo”. Com  chegada da noite vêem um sinal de socorro e quando chegam no local, só restam pedaços de corpos mutilados, armas de verdade que não foram disparadas e, para a surpresa de Cooper, Ryan, em estado de choque e com um enorme ferimento no peito. O grupo agora está com armamento de combate, mas criaturas surgem na mata e começam a atacar os soldados provocando baixas. Wells, é um dos feridos, com um enorme corte no abdômen. O grupo acaba encontrando pelo caminho, Megan (Emma Cleasby) que lhes dá carona até a única propriedade próxima, mas as criaturas são tão poderosas que os fuzis apenas as machucam e sua sede por carne humana é devastadora.



Cães de Caça não é um filme muito divulgado. Uma produção dividida por três países, mas predominantemente inglesa, rodada nas florestas de Luxembugo e Noruega com a direção de segunda unidade na Escócia. Esta produção de $2,000,000 (baixo orçamento) conseguiu entregar um produto muito interessante em um filão que volta e meia o cinema consegue trazer surpresas: filmes sobre lobisomens. Sim, há produções bem ruins também, mas aqui o esforço feito pela produção, em torno do filme, colheu bons resultados. 



Antes de tudo esse é um filme que mescla muito bem suspense com ação e isso nem sempre logra sucesso nesse segmento. Claro que há ótimos filmes que podemos citar como “A Hora do Lobisomem”, “Lua Negra”, “Um Lobisomen Americano em Londres” apenas para citar os mais conhecidos. E Cães de Caça posso incluir como um filme muito criativo nesse segmento. Há algumas referências interessantes como o nome de um dos personagens:  Harry G. Wells. Se prestarmos bem a atenção nos lembraremos de H.G Wells famoso escritor de livros que se tornaram filme como por exemplo “A Máquina do Tempo” e “O Homem Invisível”. Outra referência remete diretamente ao universo Jornada nas Estrelas quando um soldado cita o teste “Kobayashi Maru” (as cenas iniciais de “Jornada nas Estrelas II: A Ira de Khan"). A canção tocada no piano "Clair de Lune" de Debussy que remete ao já citado “Um Lobisomen Americano em Londres”, além da citação do filme Zulu (1964).



Mas nem só de citações vive o filme.  O diretor Neil Marshall (que também foi o responsável pela estória) sabe do riscado. Tanto que fez outro filme interessante: "Centurião" (2010), já dirigiu episódios de "Games of Thrones" e é o responsável pelo novo "Hellboy" para 2019.  Em seu primeiro longa trouxe uma ótima tensão e soube ambientar sua narrativa em um grupo de 6 soldados que ficam no meio do nada e dão de cara com as lendas licantrópicas, descobrindo que essas criaturas não deixam ninguém sair de seu meio. Mas ali não há apenas incautos que resolvem acampar com uma tenda e lanterna. São soldados treinados e armados. Mas será que isso realmente adianta? É o que o espectador descobrirá. Ainda que ao longo da projeção algumas situações começarão a ficar óbvias, Marshall nos fez ter interesse de ver como essas situações serão desenvolvidas. O combate é ferrenho. Homens presos numa cabana com uma munição que não durará para sempre, mas a incrível sensação de que aquela noite durará. Uma noite muito longa para se resistir até a aurora. E dá-lhe tiros, bombas e uma sorte de armas contra uma quantidade de criaturas (não se sabe quanto) predadoras e insaciáveis.



O elenco foi bem escolhido: Kevin McKidd não foi a primeira opção. O papel fora oferecido para (o ainda não astro) Jason Statham, mas este estava envolvido com a produção de “Fantasmas de Marte”. McKidd não se saiu mal, entregando uma boa atuação. Atulamente faz parte do elenco do seriado “ A Anatomia de Grey”.  Liam Cunningham (atualmente em “Games of Thrones”) rouba as cenas em um papel bem diferente do seriado. Aqui ele é um ótimo vilão. Sean Pertwee pode ser acompanhado no seriado “Gothan” e tem um papel de destaque neste filme. Emma Cleasby voltou-se mais para telefilmes e seriados que não chegaram por aqui. O restante do elenco dá o seu recado.

 
Dog Soldiers é um filme que vai direto para o que promete: um vibrante filme de lobisomens de baixo orçamento. Particularmente gostei da composição das criaturas, da ambientação e dos enfrentamentos. 
Tem muito sangue e tripas? Tem. Alguns poderão achar apelativo, mas para o contexto da estória fez todo o sentido. É um filme vibrante que não tenta enganar o espectador. Prende na cadeira até o final. É mais suspense do que terror, na  escuridão do cinema daria alguns sustos, mas na tela pequena perde um pouco dessa qualidade. Para apreciadores do bom e velho (nem tão velho assim) filme de lobisomens. Muitos o consideram um grande fllme e pelo orçamento não deixa de ser.

Trailer:



  
Filmografia Parcial:
Liam Cunningham


 












No Limite da Inocência (1992); Lancelot - O Primeiro Cavaleiro (1995); Paixão Proibida (1996); A Revelação (2001); As Aventuras da Família Robinson (2002); Dog Soldiers - Cães de Caça (2002); Ventos da Liberdade (2006); Fome (2008); A Múmia: Tumba do Imperador Dragão (2008); Caçadores de Vampiros (2009); Vingança Entre Assassinos (2009); Harry Brown (2009); Centurião (2010); Fúria de Titãs (2010); A Informante (2010); Borboletas Negras (2011); Cavalo de Guerra (2011); Protegendo o Inimigo (2012); Códigos de Defesa (2013); A Infância de um Líder (2015); Game of Thrones (seriado 2012 a 2017)

Sean Pertwee
 











  


O Amor Não Tem Sexo (1987); Trauma (1991); Os Últimos Rebeldes (1993); I.D.: Fúria nas Arquibancadas (1995); O Enigma do Horizonte (1997); O Enigma de Talos (1998); 7 Dias para Viver (2000); Dog Soldiers - Cães de Caça (2002); Equilibrium (2002); Gol!: O Sonho Impossível (2005); Heróis de Guerra (2006); Gol II: Vivendo o Sonho (2007); Juízo Final (2008); A Era da Escuridão (2008); Vingança Muda (2012); Um Jogo de Mestres (2012); The Magnificent Eleven (2013); O Uivo (2015); Gotham (seriado Gotham 2014-2018) 

Kevin McKidd
 












  



Trainspotting - Sem Limites (1996); Fúria nas Ruas (1996); O Sedutor (1996); O Expresso de Marrakesh (1998); Dog Soldiers - Cães de Caça (2002); O Herói da Família (2002); Hannibal - A Origem do Mal (2007); A Última Legião (2007); Percy Jackson e o Ladrão de Raios (2010); Liga da Justiça: Ponto de Ignição (voz de Bruce Wayne 2013); A Anatomia de Grey (seriado 2008-2018).


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá Cinéfilos.
Obrigado por visitarem minha página.
Estejam à vontade para comentarem, tirarem dúvidas ou sugerirem análises.
Os comentários sofrem análises prévias para evitar spans. Tão logo sejam identificados, publicarei. Quaisquer dúvidas, verifiquem a Política de Conduta do blog.
Sua opinião e comentários são o termômetro do meu trabalho.
Visite a minha página homônima no Facebook onde coloco muitas curiosidades sobre cinema e algo de séries.
Bem vindos.
Cinéfilos Para Sempre