segunda-feira, 11 de setembro de 2017

UM DIA DE CÃO / DOG DAY AFTERNOON (1975) - ESTADOS UNIDOS




Circo midiático

Brooklyn, 1972. Três assaltantes planejam um roubo a banco. O plano:  entrar e sair rápido levando todo o dinheiro, mas tudo começa a dar errado. Um dos assaltantes desiste já dentro do banco e vai embora. Sonny Wortzik (Al Pacino), junto com seu comparsa Sal (John Cazale), descobrem que, naquele momento, o banco só possuía 1.500,00 dólares. Quando a polícia cerca o banco, a dupla se vê encurralada com um gerente de banco, um vigia idoso e um grupo de mulheres. Para complicar, a situação fica fora de controle e eles se vêem presos a um circo montado pela imprensa, policiais inexperientes neste tipo de situação, com a população tratando Sonny como um ídolo pop.


               
Para que o filme seja apreciado, com suas devidas propriedades, é necessário atentarmos que a produção é americana de 1975, numa época que não existiam portas giratórias, guardas armados e toda paranóia que vivemos hoje no nosso cotidiano. Os tempos mudaram, mas na época, esta produção, que levou foi indicada a 6 Oscars e levou um, ficou famosa e alavancou a carreira de Al Pacino que viria a se tornar uma das maiores estrelas de Hollywood. Aqui seu talento já pode ser observado, pois a trama gira em torno de seu personagem onde ele consegue manter o espectador preso à sua atuação. 



O roteiro recheado de humor, o que para alguns soará bizarro com os dias atuais, mesclou a dramaticidade de Al Pacino com o humor de suas reféns (que muitas vezes parecem ditar as regras). Sonny é um cara que não deseja fazer mal a ninguém. Tudo que deseja é conseguir o dinheiro para Leon Shermer (Chris Sarandon) fazer uma cirurgia pouco convencional. Seu amigo Sal está pelo dinheiro e fica cada vez mais nervoso, não descartando a hipótese de matar. Tendo que lidar com seus reféns pitorescos e com um Sal perdendo o controle, Sonny ainda tem que negociar com o esperto investigador de polícia, Moretti (Charles Durning), que crê em uma saída pacífica para a situação, ao contrário de seus colegas de trabalho, pouco acostumados à realidade que os cerca.



          
Um Dia de Cão (Dog Day Afternoon) é uma gíria que significa os dias mais quentes do ano nos Estados Unidos: julho e agosto. E é nesse caos que a ação se desenrola. O roteiro funcionou muito bem e com todos os elementos bem encaixados sobrou tempo para os atores mostrarem ao que vieram. Pacino ("Scarface"), Durning ("Golpe de Mestre" e "Tootsie"), Cazale ("O Poderoso Chefão" e o "Franco Atirador") e Chris Sarandon ("A Hora do Espanto" e "Brinquedo Assassino") brilharam em seus papéis colocando toda a intensidade que suas personagens poderiam oferecer. A performance deste quarteto já garantiria o filme, mas o elenco de coadjuvantes, incluindo Lance Henriksen ("O Exterminador do Futuro" e "Aliens o Resgate") também tiveram ótimos momentos em meio as várias situações apresentadas. 



O foco central do filme fica no assalto, mas não há como negar uma crítica à mídia, que tenta tirar proveito da situação para ganhar audiência, chegando até a tentar entrevistar Sonny, mas demonstrando pouco interesse em sua motivação. A ideia é conseguir um furo e manter a audiência no ar. Se analisarmos bem, pouca coisa mudou desde então. A transformação de Sonny de um simples assaltante desastrado em uma personalidade leva a população, momentaneamente, a ficar do seu lado,  por conta de seus protestos e reivindicações, em meio a um ambiente de incertezas econômicas, achatamento salariais e um temor do futuro, além do personagem fazer uma crítica ao país, levantando a questão de ser um veterano da guerra do Vietnã (um tema espinhoso para os EUA). Sonny ganha a população, os reféns e o espectador. Essa tragicomédia de humor negro pode ser bem observada em situações como: um louco que liga para o banco e fala para Sonny matar os reféns; o gerente do banco atendendo ligações em meio ao assalto; o marido de uma das reféns, mais preocupado com a falta da esposa em lhe preparar o jantar no horário e perguntando quanto tudo terminará; além de Silvia (Penelope Allen), a líder das mulheres, que decide ir ao banheiro, conversar com a polícia, voltar para o banco como se tudo fosse algo bem normal. Penélope vira a veia cômica da situação.


          
O diretor Sidney Lumet (de "Doze Homens e Uma Sentença" e "O Veredicto") transformou o belo roteiro de Frank Pierson, baseado em fatos ocorridos no Brooklyn em 22 de agosto de 1972, em um filme que visitou a lista das grandes produções anos depois, realizando um filme intenso, que muitos hoje podem até não achá-lo tão interessante, pois o mundo mudou e essas situações nos filmes atuais não passam sem alta dose de violência e realismo. Lumet consegue segurar o espectador sem utilizar da artimanha de chocá-lo. Tenta manter o interesse através do suspense de como terminará o desfecho dessa situação. Sonny e Sal escaparão? Até que ponto o telespectador passa a se solidarizar e a torcer pela dupla? É esse efeito de torcer pelos perdedores que tornou Um Dia de Cão um filme a ser sempre relembrado, pois é muito mais do que um filme de assalto a banco. São vários ingredientes misturados que o espectador vai identificando ao longo da projeção.

Trailer:



Curiosidades:

A história real fala de John Wojtowicz e  Salvatore Naturile que resolveram assaltar o Chase Manhattan Bank. 

Oscar de melhor roteiro original.
 
Indicado a 6 Oscars: melhor ator (Al Pacino), melhor ator coadjuvante (Chris Sarandon), melhor filme, melhor diretor, melhor roteiro original e melhor montagem.

Wojtowicz morreu de câncer em 2 de janeiro de 2006.

Estreia do ator Chris Sarandon no cinema.

O ator John Cazale faleceria 3 anos depois de câncer nos ossos. Em todos os filmes que participou, houve uma indicação ao Oscar de Melhor Filme

Filmografia Parcial: 
Al Pacino
 

 








O Poderoso Chefão (1972); Serpico (1973); O Poderoso Chefão II (1974); Justiça Para Todos (1979); Autor em Família (1982); Scarface (1983);  Vítimas de uma Paixão (1989); Dick Tracy (1990); O Poderoso Chefão III (1990); Frankie & Johnny (1991); O Sucesso a Qualquer Preço (1992); Perfume de Mulher (1992); O Pagamento Final (1993);  Fogo Contra Fogo (1995); Donnie Brasco (1997);  Advogado do Diabo (1997); O Informante (1999); O Novato (2003); Contato de Risco (2003); O Mercador de Veneza (2004) 88 Minutos (2007); Treze Homens e um Novo Segredo (2007); Salomé (2013); Má Conduta (2016); The Irishman  (2018).


John Cazale (1935–1978)
 

 







O Poderoso Chefão (1972); A Conversação (1974); O Poderoso Chefão II (1974); Um Dia de Cão (1975); O Franco Atirador (1978).

Charles Durning (1923–2012)
 

 








O Pecado de um Xerife (1970); Irmãs Diabólicas (1972); Golpe de Mestre (1973); Um Dia de Cão (1975); O Dirigível Hindenburg (1975); O Último Brilho do Crepúsculo (1977); A Fúria (1978); Attica  (1980); Nimitz - De Volta ao Inferno (1980); A Vingança do Espantalho (1981); Caçada em Atlanta (1981); A Melhor Casa Suspeita do Texas (1982); Embalos a Dois (1983); Um Homem Destemido (1985); O Homem do Sapato Vermelho (1985); Os Últimos Durões (1986); Um Policial Acima da Le (1988); Brenda Starr (1989); Dick Tracy (1990); Bonita E Perigosa (1991); Um Estranho à Minha Porta (1993); Na Roda da Fortuna (1994); Ensina-me a Viver (1995); O Protetor (1998); Deu a Louca nos Astros (2000); O Mestre da Vida (2006); Aprendendo a Viver (2009).
 

Penelope Allen
 

 








Espantalho (1973); Um Dia de Cão (1975); Ressurreição (1980); Uma Janela Suspeita (1987); Acerto Final (1995); Além da Linha Vermelha (1998); Emperor of the Free World (2016).

Lance Henriksen
 

 









Um Dia de Cão (1975); Contatos Imediatos do Terceiro Grau (1977); Damien: A Profecia II (1978); Piranhas 2 - Assassinas Voadoras (1981); Pesadelos Diabólicos (1983); Os Eleitos - Onde o Futuro Começa (1983); O Exterminador do Futuro (1984); O Fio da Suspeita (1985); Aliens, O Resgate (1986); Quando Chega a Escuridão (1987); Um Rosto Sem Passado (1989); A Fúria do Justiceiro (1991); Jennifer 8 - A Próxima Vítima (1992);  O Alvo (1993); O Alvo (1993); Rápida e Mortal (1995); Energia Pura (1995); Ameaça Terrorista - Acesso Negado (1997); Pânico 3 (2000); Alien vs. Predador (2004); Hellraiser 8: O Mundo do Inferno (2005); Appaloosa - Uma Cidade Sem Lei (2008); Alone in the Dark 2 - O Retorno do Mal (2008); A Tribo II (2009); Phantom - A Última Missão (2013).

Chris Sarandon
 

 










Um Dia de Cão (1975); A Sentinela dos Malditos (1977); Cuba (1979); O Casal Osterman (1983); A Hora do Espanto (1985); A Princesa Prometida (1987); Brinquedo Assassino (1988); Dois Tiras Da Pesada (1989); O Filho das Trevas (1991); Maré Violenta (1994); Tentação Mortal (1995); A Morte se Veste de Negro (1999); Correndo Contra o Tempo (2000); Perfume (2001); A Hora do Espanto (2011); O Código (2012).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá Cinéfilos.
Obrigado por visitarem minha página.
Estejam à vontade para comentarem, tirarem dúvidas ou sugerirem resenhas.
Os comentários sofrem análises prévias para evitar spans. Tão logo sejam identificados, publicarei. Quaisquer dúvidas, verifiquem a Política de Conduta do blog.
Sua opinião e comentários são o termômetro do meu trabalho.
Visite a minha página homônima no Facebook
Bem vindos.
Cinéfilos Para Sempre